Mudar de endereço para conseguir crédito dá certo?

Usar um cartão de crédito é uma grande necessidade de boa parte das pessoas. Em suma, através do cartão a pessoa tem acesso a facilidades como parcelamento, cashback, milhas, entre outros. Entretanto, nem todas as pessoas conseguem aprovação para conseguir crédito e um cartão. Diante disso, será que mudar de endereço ajuda a conseguir um? Descubra a seguir.

Mudar de endereço para conseguir crédito dá certo?

Em relato ao Valor Investe, um estudante afirmou que conseguiu, depois de dois anos tentando, um cartão de crédito em 2021. Entretanto, com um limite muito baixo. O que intriga é que ele só conseguiu aumento de limite quando mudou de endereço.

Em suma, ao mudar de endereço, ele e os seus familiares atualizaram as informações de cobrança, tais como endereço e contas. Assim, o cadastro no banco em que ele tinha conta também foi atualizado.

Posterior a isso, o banco começou a aumentar o valor do cheque especial de R$ 3 mil para R$ 20 mil, a cada 4,5 dias. Tudo isso, mesmo sem ele mudar em nada o seu “relacionamento com o banco”. A única coisa que ele fez foi alterar de endereço.

O estudante disse, ainda, que se assustou com a quantidade de ofertas de financiamento e empréstimos que passou a receber do banco. Com isso, ele entrou em contato com duas fintechs que haviam negado crédito a ele. E pasme: as duas empresas o aceitaram e liberaram crédito.

O que dizem os bancos?

De acordo com Alexandre Zaia, chefe de crédito do Neon, o banco usa inteligência de aprovação que considera informações de mercado. Tais como histórico de restrições, nota de crédito, relação com outras instituições e demais informações internas. Entretanto, ele nega que o endereço do cliente tenha influência sobre a decisão.

Enquanto isso, o Itaú afirma que “a política de concessão de crédito e limite dos cartões de crédito do Itaú Unibanco varia de acordo com o produto contratado e perfil de cada cliente”. Já o Nubank, explica que não existe nenhum impeditivo para solicitar um cartão de crédito.